Nosso Livro

Clique na foto para abrir o Livro em uma aba lateral. Está em PDF.

É com grata satisfação que coloco aqui mais um de meus escritos, na forma de um livro (e-Book) intitulado:

Ta’arõ, Kuriela, Esperança!

Ele tem este título, porque a palavra Ta’arõ significa “esperança” em Guarani, língua dominante na América do Sul, especialmente no Brasil, antes da chegada das expedições europeias de colonização.

Também tem a palavra Kuriela, porque ela também significa “esperança” em Kimbundu, língua nacional de Angola, simbolicamente evocada aqui como representativa dos povos africanos.

As razões para usar estas três palavras se dá por conta da minha profunda conexão familiar com raízes paterna na base dos indígenas Cariris do Oeste Pernambucano (avó paterna) e negra do sul do Ceará (avô paterno); também com o alinhamento com negros de Juiz de Fora, MG (avô materno) e indígena-portuguesa de Campos de Goytacazes (avó materna). De sorte que estou profundamente marcado com esta miscigenação que muito me honra pessoalmente!

Mas, tenho ampla consciência que sou originário de povos excluídos de tudo que seja conectado à alta cultura, à literatura brasileira e mesmo na clara identidade religiosa igualmente sincretizada e misturada em muitas nuances e variáveis.

Meu livro trata de um tema específico: aproveitamento de créditos de Cursos Superiores de Extensão em Cursos de Graduação. Pauta que defendo como opcional para se conquistar acessibilidade com pobres, índios, negros e mulheres – sobretudo, em localidades sem suporte socioeconômico e, avanço, como Consultoria em uma visão de que podemos ter uma plataforma de dinamização econômica para elevar as condições da Faculdade, enquanto empresa que precisa sobreviver nesta cena macroeconômica que tem destruído nossa sociedade.

Ta’arõ, Kuriela, Esperança em relação ao quê?

Na verdade, em relação ao “aproveitamento de créditos na graduação”, como manifestação final minha acerca do imbróglio que vivemos entre os anos 2015-2016.

Eu tenho que aproveitar esta oportunidade para agradecer de modo objetivo e direto algumas pessoas:

1-    Prof. Célio Silva – por haver me ajudado quando as coisas ficaram muito difíceis em um momento delicado de minha carreira profissional e, este momento difícil teve conexão com a pauta que defendo no Livro.

2-    Prof. Gedalias Lima – por haver me ajudado quando as coisas ficaram muito difíceis em um momento delicado de minha carreira profissional e, este momento difícil teve conexão com a pauta que defendo no Livro.

3-    Prof. Williams Barbosa e sua esposa Nadjala Carvalho – pela oportunidade que tive como Diretor Geral da Faculdade Fadire entre Outubro/2014 até Dezembro/2015 e pude defender um ideal que está ainda vivo no texto do material que faço publicar em meu Site.

4-    Prof. Walter de Paula – por sempre haver permitido que eu faça parte da equipe de Consultoria que discute em um cenário macroanalítico as demandas que são próprias do segmento em que estamos inseridos em focados aqui.

5-    Albert Reis – pela amizade e parceria na condução dos projetos que cuidamos juntos de modo correto, excelente

6- E, finalmente à Keyla, por haver tido paciência e suportado-me por este período de duras provas que me sobrevieram em face da luta que vivi entre o período de Setembro/2015 até Dezembro/2016.

Agradeço a generosidade dos demais amigos que venham ler o livro.

Se for possível, peço-lhes que visitem o Site http://inclusao.professorjean.com/